27 de fevereiro de 2012

O Coração Vai Mais Longe...


As janelas da nossa casa abrem-se para o mundo
ou fecham-nos dentro do quarto.
Do mesmo modo as janelas da vida.
Determinados muitas vezes pelas circunstâncias
momentâneas e definitivas da vida,
somos obrigados a ficar à janela ou até mesmo
fechados dentro de nós.
As muitas impossibilidades teimam em não deixar
sair de casa pela porta principal e a permanecer
à janela tornando os horizontes mais curtos.
Que dizer, quando nem as janelas podemos abrir e
nos tornamos prisioneiros dentro de nós mesmos.
Tantas vezes esta prisão é fruto de circunstâncias
que não dominamos ou da opressão que outros exercem
sobre nós. Parece impossível viver à janela.
Parece impossível viver fechado dentro das quatro
paredes da nossa existência breve.
Mas, o coração guarda um segredo infinito.
O coração vai mais longe, vê mais longe e leva-nos
com ele para lá do horizonte finito que os nossos
olhos podem contemplar.
É pelo coração que a nossa existência se torna
possível para além das circunstâncias.
É pelo coração que alcançamos o inatingível.
Pelo coração chegamos a ser tudo quanto desejamos
dentro de nós, porque o coração não tem limites.
O coração vai mais longe.

Autor: Manecas
http://manecas-azul.blogspot.com

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

23 de fevereiro de 2012

Quando Eu não Aguentar...


Quando eu não me aguentar, e desistir,
por favor, siga comigo, ainda que em silêncio.
Sei que é difícil, é mais do que ser amigo,
é amparar quem talvez, nem queira amparo.

Quando eu não me suportar, e resistir,
quando o remédio for muito amargo,
não deixe de me dar a dose certa,
ainda que eu não te entenda,
isso é ser mais do que amigo, é ser anjo.
Há dias em que precisamos de um anjo,
de alguém que vele o nosso sono,
que nos sacuda quando estivermos em meio a um pesadelo,
quando nossa boca fica amarga,
quando não queremos aceitar que acabou,
que o filme terminou,
que quem partiu não volta.

Quando eu desistir da vida,
por favor, seja meu anjo,
me mostre um jardim,
diga que é só um recomeço, que não é o fim.
E seja mais do que um amigo, mais do que um anjo,
seja o meu reflexo, e por um instante, um momento de luz,
seja para mim, o próprio Jesus.

Paulo Roberto Gaefke
www.meuanjo.com.br

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

21 de fevereiro de 2012

As Leis de Murphy na Informática



* Seja qual for o defeito de seu computador,
ele desaparecerá na frente do técnico.
* O computador nunca trava quando você esta
jogando paciência.
* Nenhuma tarefa que parece ser simples para
o homem vai ser simples para o computador.
* O computador do seu vizinho, apesar de ter
as mesmas características, é mais rápido que o seu.
* Você só aciona acidentalmente comandos que
não podem ser desfeitos.
* O papel só engasga na impressora quando você
vira as costas pra ela.
* Seu arquivo mais precioso foi salvo por acidente
numa pasta que você nem imagina qual é, e por
coincidência, seu computador salvou este arquivo com
um nome que o você nem desconfia qual seja.
* A peça do computador que mais dá defeito geralmente
é aquela que fica entre a cadeira e o monitor.

www.osvigaristas.com.br

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

19 de fevereiro de 2012

A Vida, a Viagem e a Mala



A vida lembra uma grande caminhada onde os lugares mais bonitos são os nossos momentos felizes. O deserto e as tempestades de areia são aqueles momentos difíceis que temos que atravessar, mesmo quando nosso desejo é de encostar em um canto e deixar a vida passar.

Os ciclones, furacões e outras manifestações da natureza, são aqueles choques que recebemos sem esperar, as traições, as decepções, as ilusões.
O mar, as montanhas, os lagos mais lindos, as flores mais perfumadas são aqueles momentos em que nos encontramos apaixonados e tudo tem cor e perfume.

Para essa viagem, recebemos uma mochila que pode carregar o que quisermos, é o nosso cérebro. Nessa mochila vamos acumulando os caminhos floridos e os espinhos.

Vamos levando lembranças boas e ruins. Acumulamos meio socado, meio empurrado, as pessoas que nos fizeram algum mal e guardamos com carinho os nossos amigos.Tudo isso vai acumulando um peso que vai se refletir na nossa força para caminhar.

Todo viajante sabe que precisa carregar somente o necessário para aquela viagem específica. Nenhum viajante leva camisetas cavadas para o inverno da Dinamarca, nem os dinamarqueses trazem casacos de pele para o carnaval do Rio de Janeiro.

Por isso, pare um pouco e esvazie a sua mochila. Desfaça-se das coisas que não te servem mais. Jogue fora as angústias, as mágoas, o rancor, a desilusão. Despeça-se do passado.
Com a mochila livre desse sobrepeso, você vai poder avançar mais rápido rumo a felicidade.

Autor: Paulo Roberto Gaefke
www.meuanjo.com.br

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic